Férias! É urgente desligar e aproveitar!

Férias! É urgente desligar e aproveitar - comunicaRH

Estudos recentes mostram que cerca de 30% das pessoas trabalha aos fins-de-semana e nas férias. Se considerarmos as pessoas que não se conseguem desligar em plenitude do trabalho a percentagem é muito maior. Os e-mails, os telefonemas, o WhatsApp que continuam a chegar? O dia que estava a correr tão bem e um dos alertas trás um problema que altera todo o decorrer das férias?  Para muitos férias não significa um verdadeiro momento de pausa e de não trabalho.

Acredito que a pandemia e o teletrabalho vieram intensificar esta realidade, pois as fronteiras ficaram ainda mais difusas entre o tempo que é de trabalho e de não trabalho.

Somos assaltados por sentimentos de culpa e conflitos internos, que conduzem a menor prazer pela vida e a um decréscimo do gosto pelo trabalho. Por um lado, estes sentimentos emergem porque não estamos a aproveitar o tempo de pausa, e por outro porque ficou trabalho por fazer, porque podem pensar que por relaxar somos preguiçosos.

Estamos numa aceleração, stress e velocidade constante todo o ano. E nem sempre é fácil parar… acordar de manhã no primeiro dia de férias.

E agora o que fazer? Sentimento de desorganização, vazio e falta da agitação e do dia em modo automático.

O Ser Humano precisa de parar! Precisa de ter momentos de recuperação psicológica pela sua saúde emocional, física e até mesmo pela sua motivação intrínseca e prazer pelo trabalho e produtividade.

Precisamos de momentos de relaxamento, afastamento, procura de desafios e controlo. As férias podem ser um desses momentos. Mas precisamos de ser disciplinados.

Deixo algumas dicas para um descanso e desligar livre de preocupações.

Antes de entrar de férias

1. Faça um plano das tarefas a realizar. Ponha no papel tudo aquilo que precisa de fazer, determine prioridades e estabeleça prazos.

2. Faça a distribuição das tarefas imprescindíveis para a empresa por alguns colegas. Se tem a seu cargo atividades diárias que são imprescindíveis para o bom funcionamento da empresa, então deve combinar com o resto da equipa a forma como o trabalho será distribuído pelos colegas durante a sua ausência.

3. Avise os seus interlocutores que vai de férias. Relembre a sua equipa e clientes que vai de férias para que também eles sabam que é o seu momento de pausa.

4. Configure o seu email. Escreva uma mensagem out-of-office que informe claramente sobre o período de ausência. Não se esqueça de referir contactos para cada categoria de assunto.

Já de férias

5. Consulte o e-mail, de forma controlada. Não queremos que sinta a pressão de se desligar. E na verdade hoje é quase impossível não consultar o e-mail durante as férias, mas faça-o de forma controlada definindo por exemplo, uma hora por dia para o fazer.

6. Seja disciplinado na sua relação com o telemóvel, e-mail e redes sociais. Por exemplo, desligue os avisos do whatsapp e de outras ferramentas de comunicação.

7. Aproveite os momentos com os outros. Não use o telemóvel durante as refeições. Dê atenção a quem está consigo de férias. Crie boas memórias. Use o telemóvel para registar aquela fotografia especial que pode usar como fundo de computador ou imprimir para nos momentos mais exigente de trabalho ser levado aos bons momentos das férias.

8. Descansar é mais do que ficar deitado. Planeie algumas atividades, caso contrário acaba as férias com a sensação de não ter aproveitado bem o tempo. Mas também não se sinta na obrigação de correr de local em local para conseguir visitar todos os pontos atrativos de uma cidade. Os extremos são inimigos de umas férias descansadas e é importante haver espaço para todo o tipo de atividades. Reserve momentos para fazer coisas de que realmente gosta (ex.: pôr a leitura ou séries em dia), sem pressões e com intervalos entre atividades. Fuja de listas densas de tarefas a fazer nas férias, caso contrário transformam-se nas listas to do de um dia de trabalho.

9. Quebre rotinas e simplifique. Torne os seus dias mais simples, optando por refeições e vestuário práticos e programas pouco elaborados.

10. Cuide da sua saúde física: Durma o tempo necessário, alimente-se corretamente (riscar estimulantes e fast food), algum exercício, estimular a realização de exércitos de respiração. Substitua as atividades sedentárias por uma caminhada ou uma visita a um museu.

11. Procure planear com antecedência as atividades com as crianças. Faça uma lista de jogos e atividades possíveis de fazer e de que materiais precisa.

Aproveite e descomplique! Viva e goze o tempo!

Assista o vídeo em APG:

https://www.youtube.com/watch?v=r2jdL06LHYM

Artigos Recentes

Partilhe este artigo...

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *